Você está alinhado com os valores da sua empresa ou da empresa em que você está trabalhando? As regras do jogo estão claras? Você está confortável com a missão dessa empresa e a sua missão? Essas questões são importantes para que você entenda o ambiente em que está trabalhando e perceba se pertence ou não a ele.

Você é uma marca e a empresa em que você trabalha ou é dono deve ter a sua cara, a cara da sua marca. Essa empresa tem características e valores, assim como você tem as suas características e valores. O quanto será que está claro o seu alinhamento com tudo isso? Um jeito mais simples de entender esse contexto, é compara-lo com outras situações da sua rotina. Quando você faz amizade com alguém, por exemplo, você se alinha ou tem afinidade porque a pessoa tem valores muito parecidos com os seus.

Perceba que da mesma maneira que você se afina com um amigo e com uma pessoa, você pode também estar alinhado com a missão da empresa em que você trabalha. Se você tem uma missão e tem clareza das regras da empresa em que você está e do seu papel lá dentro, a expectativa da empresa em relação a você fica mais clara e a sua expectativa a respeito dela também fica clara.

Muitas vezes a gente passa por turbulências dentro da empresa, o que causa um certo desespero. Porém, todas as empresas vão ter turbulências, isso é uma coisa da vida. Dentro da sua casa e dos seus relacionamentos você também vai ter turbulências, mas se você ama a pessoa com quem você está, você vai superar isso. Leve esse exemplo para a sua empresa. Você deve gostar da empresa, já que quando você foi trabalhar lá, você fez uma pesquisa antes, conversou com pessoas e viu como essa ela se comporta.

Por exemplo, a Natura é uma empresa focada em produtos naturais. Você percebe ali que tem uma preocupação com trabalhar com coisas da natureza e isso pode te tocar. Assim como uma empresa pode ter uma causa, como melhorar a condição ambiental, não poluir, etc. São todas causas que podem te ajudar a passar pelos conflitos de forma mais tranquila, sabendo que lá na frente haverá uma recompensa.

Portanto, mesmo que você não perceba, você tem as suas características pessoais, a sua visão da vida e os seus valores que vão te direcionar a uma missão. O mesmo acontece com a empresa em que você trabalha. É muito importante perceber o seu papel dentro da empresa porque, a partir daí, você vai começar a entender quais são as regras que tem que cumprir e a performance que precisa ter. E, apesar dos momentos difíceis, se você está cumprindo uma missão que te dá prazer, se tem um propósito, uma causa para tocar o seu dia a dia, vai ser mais fácil passar pelas turbulências.

Regina Nogueira, publicitária, é fundadora da Regina Nogueira Consultoria Empresarial e Coaching

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin